Monthly Archive: Junho 2019

0

Conheça as 5 causas mais comuns da dor de cabeça!

Seriam as contas para pagar, os filhos rebeldes e o stress do trabalho? Ou então a má alimentação, a falta de exercício, a rotina sem descanso? Na verdade, quando falamos sobre as causas mais comuns da dor de cabeça, muuuita coisa entra em jogo!

Para início de conversa, a cefaleia (termo médico para a dor de cabeça) é apenas um sintoma que pode sinalizar diversas doenças ou alertas do corpo.

Por isso é SUPER IMPORTANTE não ignorar ela!

Até porque, se o corpo está te mandando uma mensagem sobre a sua saúde, a pior coisa é não dar ouvidos. Sabemos que esse é um sintoma que muita gente considera pouco para valer uma visita ao médico… Mas esse erro pode mascarar até problemas mais graves de saúde.

Por isso, nesse artigo vamos entender um pouquinho sobre as principais causas e tipos de dor de cabeça. Assim, podemos te ajudar a procurar a melhor ajuda possível quando sofrer desse sintoma tão incômodo!

Saiba mais: Você conhece os benefícios do boldo do chile?

Dores de cabeça primárias e secundárias… o que são?

A diferença entre esses dois tipos de cefaléia são na verdade uma distinção entre a origem dela. Calma, vou explicar!

A dor de cabeça primária acontece quando nervos sensíveis do cérebro são pressionados ou então pela hiperatividade cerebral. Nesse caso, a dor de cabeça não é apenas um sintoma de outro mal acometendo o corpo. A origem dela é na própria cabeça, por um mal que acontece dentro dela.

Já a dor de cabeça secundária está relacionada com outras doenças, ou seja, é só um sintoma. E é por isso que ela é diferente da primária, que é a causa do mal estar, não só um efeito dele.

Mas essa diferença não quer dizer que um tipo é menos importante ou doloroso que o outro… Na verdade, ambos os tipos de cabeça são muito ruins e precisam ser tratados com atenção!

Saiba mais: As 5 razões para usar a Moringa no tratamento das dores!

E quais são as cefaleias primárias mais comuns?

Dois dois tipos de cefaleia, as mais recorrentes são as primárias. E é por isso que três delas são causas mais comuns da dor de cabeça!

Inclusive, é muito provável que você já tenha sentido alguma delas na sua vida! É até possível que você esteja passando por uma delas agora mesmo… Isso porque elas são muito comuns e estão muito associadas ao estresse e à má qualidade de vida.

Dor de cabeça tensional ou cefaleia de tensão

Depois daquele dia pesado de trabalho ou após períodos de intensa atividade cerebral, essa é aquela dorzinha de cabeça bem chata!

Mas além de ser causada pelo cansaço, ela também pode ter origem em problemas de postura ou falta de sono. Aliás, a fome e até o excesso de exercício físico também podem causar essa dor!

Apesar de ser tão comum e relacionada a coisas chatas e ruins… ela não costuma ser uma dor muito intensa! Ela acontece geralmente em curtos episódios, mas há quem possua a cefaleia de tensão crônica, quando ela dura mais de 15 dias no mês.

Essa dor acomete igualmente os dois lados da cabeça ou como se fosse ao redor dela (uma espécie de faixa). Se inicia ou “migra” para a região da nuca, sendo comum também na região das têmporas.

Muito emborambora ela seja uma das causas mais comuns da dor de cabeça e incomode muita gente, é também é uma das mais fáceis de evitar ou tratar. Isso porque, identificando a causa, um ajuste de rotina geralmente já melhora muito o mal estar!

Buscando uma vida mais leve e uma postura melhor, por exemplo, já evita muitas dessas dores de cabeça tensionas na imensa maioria dos casos.

Saiba mais: Conheça os benefícios da meditação!

Enxaqueca

Ela é a vilã da vida de muuuuita gente! Não só por ser uma das causas mais comuns da dor de cabeça mas também por sua intensidade. A enxaqueca pode mesmo atrapalhar atividades cotidianas, prejudica a concentração e torna muitas coisas triviais muito mais difíceis…

Até porque, imagina dirigir de noite enquanto todas as luzes causam muita dor e incômodo, assim como os sons, o stress, e a atenção necessária?

Por isso é muito comum que quem sofre de enxaqueca crônica sempre carregue medicamentos consigo. Inclusive, esse hábito pode piorar a situação: o uso excessivo e desorientado de analgésicos pode piorar o quadro!

Então, fica o alerta: não se auto-medique! Procure SEMPRE orientação médica.

Por isso é sempre importante também identificar a causa ou gatilho da enxaqueca. Isso porque ela pode ter diversas causas! Só para citar algumas:

Ansiedade e stress;Alimentação (fome excessiva, má alimentação, intolerância a lactose ou glúten…);Problemas de sono;Alterações Hormonais;Sedentarismo;Mau uso de medicamentos (principalmente a má administração desorientada de analgésicos).

Identificando a causa, é possível prevenir as crises e diminuir a intensidade com a qual elas acontecem. Por exemplo, se a questão é a alimentação, evitar alguns alimentos ou mudar a dieta deve ser uma ótima maneira de contornar a enxaqueca!

Essas dores podem acontecer em um dos lados da cabeça ou nos dois. É muito comum que comece perto dos olhos, mas pode atingir outras partes também. Costuma ser latejante e a sua intensidade pode causar outros sintomas, como enjoo e sensibilidade à luz.

Além disso tudo, as enxaquecas podem vir a ser crônicas se sua ocorrência for superior a 15 dias por mês. Por isso, o ideal é sempre observar a frequência, a região da dor e outros sintomas que podem aparecer junto a ela (aura, confusão, visão embaçada, sensibilidade a luz e sons…).

Com essas observações é possível fazer o diagnóstico e um tratamento apropriado com a orientação médica!

Saiba mais: Confira essas dicas para uma alimentação saudável!

Cefaleia em salvas

Apesar de não ser tão conhecida entre as causas mais comuns da dor de cabeça, entre as cefaleias primárias é uma das mais importantes. Isso porque esse tipo de dor, junto com a dor do parto e cólica renal, é considerada uma das mais dolorosas.

Essa cefaleia tá relacionada ao ciclo circadiano, que biologicamente regula todo o nosso organismo. Por conta disso, é muito comum que essa dor de cabeça aconteça somente em determinadas épocas do ano ou horários do dia.

As dores da cefaleia em salvas são muito fortes, podendo mesmo tornar muito difíceis tarefas básicas do cotidiano. Inclusive, é uma dor em pontadas tão forte que pode até mesmo despertar do sono. É uma dor próxima aos olhos que dura de 15 minutos a 3 horas, mas que retorna com certa regularidade nos períodos de crise.

Outra característica da dor de cabeça em salvas é que ela possui um período de remissão. Isso quer dizer que por longos períodos de tempo (talvez até meses e anos!) as dores somem.

Além das dores há outros sintomas também, como o lacrimejar e a vermelhidão nos olhos do lado que dói. Portanto, caso você suspeite que a sua dor de cabeça pode ser essa, procure o médico!

Saiba mais: Os 10 mandamentos para acordar feliz!

E quais as causas mais comuns da dor de cabeça secundária?

É um pouco mais difícil definir as causas mais comuns da dor de cabeça secundária. Até porque, as mais diversas doenças possuem a dor de cabeça entre os seus sintomas, não é mesmo?

E é por isso mesmo que é tão importante tentar entender o que causa a sua dor. Se você está gripado, sabe que ela vai se resolver assim que o seu corpo se recuperar. Mas existem doenças mais silenciosas, com sintomas mais discretos e consequências mais graves.

Portanto, preste atenção nesse recado do seu corpo!

Hipertensão (pressão alta)

Segundo algumas pesquisas sobre a prevalência da Pressão Alta, cerca de
39 a 59% das pessoas com 60 anos ou mais nas capitais brasileiras sofrem de hipertensão. Na verdade, esses números só considerando quem já sabe que sofre da doença!

É muita gente! Inclusive, é comum que muitas pessoas convivam com a hipertensão diariamente sem tomar muito cuidado com o controle dela…

Na verdade ela é uma doença silenciosa e que muitas vezes causa sintomas mais simples, como sonolência, enjoo e dor de cabeça. Só que por trás disso, os riscos são grandes demais!

Até porque, a hipertensão é o principal fator de risco para a ocorrência do temido AVC e também da insuficiente cardíaca.

Portanto, se você possui a pressão alta e começar a sentir dores de cabeça, palpitações, dificuldade para respirar, tontura… Busque ajuda imediatamente!

Saiba mais: Pressão alta ou hipertensão?

Sinusite, crises de rinite, amidalite, gripe… e a lista segue!

Não é realmente uma novidade que entre as causas mais comuns da dor de cabeça estejam essas doenças que incomodam tanto! Aliás, você percebeu que muitas delas terminam com o ite típico de doenças inflamatórias? Pois é!

No caso da sinusite, por exemplo, a inflamação acontece justamente nos seios da face. Isso causa não apenas dor, mas também aquela sensação de que a cabeça está pesada entupida.

Aaah, na gripe essa sensação de cabeça pesada também acontece! Mas geralmente as dores são um pouco mais leves e não se concentram somente nos seios da face.

O mais chato é que a amidalite, sinusite, faringite entre outras, são doenças que podemos pegar através de vírus ou bactérias. Por conta disso, mudanças climáticas, quedas na nossa imunidade ou hábitos ruins de higiene, facilitam muito que a gente se contagie!

A própria gripe, que é viral, mesmo com a vacinação anual oferecida nos postos, é uma das doenças mais comuns nas trocas de estação!

Saiba mais: Aprenda a combater os sintomas da gripe!

Por isso, para evitar sofrer com qualquer uma das causas mais comuns da dor de cabeça procure manter uma alimentação saudável, fazer exercícios físicos, lavar constantemente as mãos e manter os ambientes bem arejados!

O post Conheça as 5 causas mais comuns da dor de cabeça! apareceu primeiro em Bem de Saúde.

Comentário sobre Canhotos vivem menos que destros: Verdade ou Mito? por Felisberto França 0

Comentário sobre Canhotos vivem menos que destros: Verdade ou Mito? por Felisberto França

Sou canhoto e, graças a Deus, sempre me adaptei bem ao “mundo dos destros” kkkk
Penso exigir mais cuidado na utilização da caneta tinteiro: escrever e encostar o dorso da mão no papel com a tinta ainda fresca, deve borrar tudo…